Avaliar materiais de comunicação em saúde melhora literacia em saúde:

Tradução e adaptação transcultural do instrumento PEMAT para Portugal

  • Marisa Brito Unidade de Saúde Familiar Fonte Luminosa, Lisboa, Portugal

Resumo

A comunicação é um aspeto essencial no campo da saúde e oferece um enorme potencial na promoção da literacia em saúde. A literatura científica evidencia que os materiais de educação em saúde, são muitas vezes complexos, não se adequando ao nível de literacia da população a que se destinam. Os profissionais de saúde devem ter conhecimentos e competências neste domínio, e utilizar as melhores práticas disponíveis, já que na maioria das vezes, são responsáveis pela elaboração e disponibilização dos materiais. A existência de instrumentos que permitam avaliar a adequação dos materiais de educação em saúde, ao nível de literacia das pessoas, é uma mais valia para a prática profissional. O instrumento Patient Education Materials Assessment Tool (PEMAT) destina-se à avaliação de materiais de educação em saúde, e inova pela capacidade de avaliar as vertentes da compreensibilidade e acionabilidade. Tendo como objetivo geral, a facilitação de um instrumento que permita avaliar materiais de educação para a saúde, este estudo teve como objetivo específico a tradução e adaptação transcultural do instrumento PEMAT para Portugal. Foi utilizada a metodologia tradução e retroversão e realizado Preteste em amostra por conveniência. A dimensão e a pouca diversificação da amostra constituíram as limitações deste trabalho. A versão final obtida foi considerada muito útil para a prática profissional apresentando-se como um instrumento inovador em Portugal. Espera-se que a sua disseminação permita capacitar os profissionais de saúde na promoção da literacia em saúde dos utentes, à semelhança do que se passa noutros contextos onde o instrumento já é utilizado.

 

Palavras-chave: PEMAT; comunicação em saúde; literacia em saúde; educação em saúde.

Publicado
2021-01-14